Buscar
  • Mental Health Clinic IH

O que é a Terapia Cognitivo-Comportamental?


A terapia cognitivo-comportamental (TCC) é uma forma de tratamento psicoterapêutico, proposta e desenvolvida pelo psiquiatra Aaron Beck, que explora a influência exercida pelas construções cognitivas (a forma como conceptualizamos a realidade) nos padrões emocionais e comportamentais de cada um de nós.


Um dos princípios base da terapia cognitivo-comportamental (TCC) é o de que não são as situações em si que determinam as emoções e comportamentos das pessoas, mas sim as suas cognições (PENSAMENTOS), ou interpretações a respeito das situações em questão.


Assim sendo, segundo a base teórica da TCC, dependendo da maneira como interpretamos os aspectos da nossa realidade, existem diferentes reacções emocionais que poderão ser ativadas, e que, por sua vez, nos induzirão a tomar diferentes acções.




A TCC ajuda a pessoa a identificar pensamentos automáticos, a avaliar esses pensamentos e a responder-lhes de uma forma mais funcional, mais saudável.



Problema de distinção entre pensamentos e emoções:


Pensamentos são ideias – “não consigo fazer nada bem”, “nunca nada vai melhorar”

Emoções e sentimentos são descritos com apenas uma palavra – triste, chateado, ansioso, preocupado, invejoso, culpado, envergonhado (existindo 6 emoções básicas – felicidade, tristeza, surpresa, medo, nojo e raiva - e incontáveis sentimentos que resultam de emoções que passam pelo escrutínio da cognição).





Ao longo da nossa história de vida vão-se formando estruturas de significado (designadas de esquemas) que “moldam” a forma como lidamos com a experiência do quotidiano.

Estes esquemas manifestam-se sob a forma de pensamentos disfuncionais em relação a nós próprios e ao mundo que nos rodeia (por exemplo: “Sou um inútil”, “Ninguém será alguma vez capaz de realmente gostar de mim”) provocando instabilidade psicológica, emocional e comportamental e contribuindo tanto para a ausência de saúde mental como para o aparecimento de psicopatologia.


A terapia cognitivo-comportamental procura a reformulação do sistema de crenças e esquemas disfuncionais do paciente, através do processo terapêutico. Para alcançar estes objetivos, utilizam-se variadas técnicas (por exemplo: diálogo socrático, exposição sistemática, reestruturação cognitiva).


A terapia cognitivo-comportamental permite ao paciente obter ferramentas para distinguir entre pensamentos, sentimentos e a própria realidade. Esta distinção facilita a percepção dos processos automáticos negativos que contribuem para a manutenção do estado de psicopatologia.


O paciente é “convidado” a analisar as suas experiências, consciencializando-se da influência dos pensamentos automáticos negativos na sua regulação emocional. De seguida, incentiva-se o desafiar destes pensamentos negativos, colocando-os em causa, e procurando explicações alternativas baseadas em factos reais e concretos.


Mais, o sucesso da intervenção cognitivo-comportamental, e de qualquer outra vertente psicoterapêutica, tem como base o estabelecimento de uma relação terapêutica baseada na confiança e na empatia.


Existe muita evidência científica a favor da eficácia da Terapia Cognitivo-Comportamental nas:

  • Perturbações Depressivas

  • Perturbações Ansiosas: Perturbação de Ansiedade Generalizada, Perturbação Obsessivo-Compulsiva, Perturbação de Pânico, Perturbação de Ansiedade Social, Fobias Específicas

  • Abuso de Substâncias

  • Perturbações Alimentares



Exemplificação de uma técnica da TCC


Exemplo de um pensamento disfuncional:

“Vão-se rir de mim durante a apresentação”

Pensamento alternativo: “Eu não tenho evidências de que isso vá acontecer, noutras ocasiões em que fiz apresentações, apenas uma pessoa riu durante a minha apresentação. Continuar a pensar assim só me causa ansiedade e dificulta a apresentação. Costumo ter bons resultados e o professor costuma gostar da minha apresentação."



O objetivo final da TCC é que o paciente se torne o seu próprio terapeuta, que saia da terapia com um conjunto de ferramentas para saber lidar com as mais situações variadas possíveis, aprendendo a lidar com os seus pensamentos e comportamentos disfuncionais.




A Mental Health Clinic Isabel Henriques deseja-lhe um excelente fim de semana ;)


#psicologia #psicologaemamesterdao #saudemental #psicologaportuguesa

15 visualizações

+31 6 14478140

Gelderskade 6A
1012 BH Amsterdam

©2020 por Mental Health Clinic Isabel Henriques.